ANDAR DE CIMA! (ORGULHO/HUMILDADE).

José é um ser atrevido. Muitos o consideram arrogante e cheio si. “Parece que tem o rei na barriga”. Sujeitinho menor! Às vezes dá até vontade de colocá-lo onde merece. Essa é a fama de José. Noutro dia ele estava na banca de jornal, todo garganta, vociferando vaidades e virtudes que o qualificam como um ser superior. Parecia brincadeira. EU sou isso. Sou mais aquilo. E por aí… Um complexo de superioridade incrível. Diante dos doentes iguais a ele, José faz o maior sucesso. Eles se entendem muito bem. De vez em quando surge uma competição. Daí sai o maior quebra pau. “Competição entre medíocres é fogo”! Nesses momentos se exasperam. Falam. Gritam. “Conflitos de egos fracos”. É hilário! Pessoas razoavelmente equilibradas se afastam de José. ” Vejam a que  ponto uma pessoa pode mentalmente se reduzir”! Esse comportamento é uma compensação de baixa auto estima e necessidade de auto afirmação. Não depende do nível intelectual ou social do indivíduo. Independe do sexo. Existe em todas as camadas sociais! Sempre arranja um público alvo que o admira. Enganosamente ele sente que atingiu o objetivo de ser o melhor. Desta forma vai se reforçando essa defesa de caráter. Tanto homens quanto mulheres podem desenvolver esse quadro  comportamental. Há vários níveis desse traço de caráter. Dependendo do nível, pode surgir um comprometimento maior ou menor. Depende da qualidade de experiências emocionais  que o indivíduo  vivenciou e a forma de educação que recebeu. Nos círculos sociais esse comportamento fica mais evidenciado. A soberba é muito comum . Pessoa que nunca admite seus erros. Que está acima de tudo. Pedir desculpas? Nem pensar. Pedir ajuda? Nunca. Gasta toda a energia do mundo para provar que está sempre certo, mesmo não estando. Para ela, admitir que errou é declarar impotência. Precisa desesperadamente de elogios e atenção. Assim consegue sentir-se importante. Admirado. Todo esse comportamento é uma defesa para não entrar nas dores, humilhações e bloqueios das expressões emocionais que sofreu. Sentir-se menor é reviver a cena temida. Congelada dentro de si. Egoísmo é outro traço comum nesse tipo de caráter. “O orgulhoso é vítima de sua história de vida”. Sua postura corporal expressa um ar de superioridade e uma falsa altivez. É como se olhasse as pessoas lá de cima, com um certo desprezo. Esses traços neuróticos podem demolir seus sonhos de uma vida equilibrada e feliz. Numa dose saudável, o orgulho pode fazer bem. Representa auto realização. Construção. Essa energia poderá  nutrir novas realizações. Reforçando e dando continuidade a essas realizações. Construir uma vida satisfatória e saudável ao ego! No entanto é difícil conseguir essa auto consciência. O arrogante José está longe de mudar! Enquanto tiver um público que o aplauda, se sentirá o máximo. Em seus momentos íntimos ele deve sentir conflitos e angústias que não consegue processar. Na verdade é um prisioneiro de si mesmo! Não entende porque muitas pessoas o rejeitam. Justifica-se normalmente pensado que elas têm inveja dele. “Só pode ser isso!” Isso o alivia e o mantém no palco que construiu. Não se deu conta que esse comportamento o afasta dos valores reais que busca. “Neurótico atrai neurótico”! Só encontra amores e amizades inconsistentes. Precisaria buscar um tratamento psicológico. Sentir e reconhecer em suas atitudes e forma de ser um comportamento desiquilibrado . Precisa atravessar o abismo entre seu eu real e o seu ego idealizado. Realizar a grande viagem interna tentando integrar  forças e fraquezas. Num movimento de auto reparação e reconstrução. Admirar-se o suficiente. Assumir  qualidades e estragos construídos pela vida. Reconhecer e recomeçar. Início da caminhada. “Humildade, trabalho e amor”. INTEGRAÇÃO DO SER HUMANO SAUDÁVEL!

4 comentários em “ANDAR DE CIMA! (ORGULHO/HUMILDADE).”

  1. I loved as much as you’ll receive carried out right here. The sketch is attractive, your authored subject matter stylish. nonetheless, you command get got an edginess over that you wish be delivering the following. unwell unquestionably come more formerly again as exactly the same nearly very often inside case you shield this hike.|

  2. I do accept as true with all of the ideas you’ve introduced for your post. They are very convincing and can certainly work. Still, the posts are too brief for novices. Could you please extend them a little from subsequent time? Thanks for the post.|

  3. Normally I do not read article on blogs, however I would like to say that this write-up very pressured me to check out and do it! Your writing style has been amazed me. Thanks, very great article.|

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.